quarta-feira, 10 de julho de 2013

CANÇÃO PARA ADORMECER MAURÍCIO


Não quero te fazer um poema
Quero, é acender um estrela,
Servir chuva e sono
na tua cela.
Entre o pavor da velhice
e a negação da infância;
Entre a tua militância
Sirva de baile e brinquedo
esta canção a luz do dia.
Quero te dar,
velho menino,
em segredo, esta estrela,
o meu esconderijo,
meu mimo.
E dizendo coisas assim:
-adormece, meu anjo
Anjo que troça de mim...


Nenhum comentário:

Postar um comentário